Capela de Nossa Senhora do Bom Sucesso

Dados do Património
Nome: Capela de Nossa Senhora do Bom Sucesso

Tipologia:
 
Arquitectura religiosa, cultural e devocional
 
Descrição:
 
Evoluiu de um cruzeiro de Santo Cristo. Com um pequeno adro envolvente, tem plano rectangular composto por corpo e capela-mor que encerra um retábulo simples, sem ornamentos, onde se encontram as imagens de Cristo e Nossa Senhora do Bom Sucesso.
 
 
Nota Histórica:
 
Localizada no Tojal. Passou de cruzeiro a capela em data incerta, pelo que os moradores colocaram a escultura de Nossa Senhora do Bom Sucesso e passou a ser alvo de devoção dos fiéis. A data que se encontra numa lápide (1147) não nos permite saber se será do cruzeiro ou da capela.
 
 
Descrição Pormenorizada:
 
Capela com orientação no sentido Nascente-Poente e pequeno adro envolvente a Norte. O frontal da Capela está voltado para Nascente, com porta principal para a rua pública. Na parede Norte, rasga-se uma porta travessa junto à capela-mor. De plano rectangular, com corpo e capela-mor, separada por arco cruzeiro de volta inteira em pedra. Telhado de duas águas, em que as empenas rematam com cruzes apontadas. Campanário no frontal a norte da porta principal. Corpo da capela com uma cintura envolvente de azulejos modernos. Na capela-mor encontra-se um retábulo simples, pintado sem ornamentos, apoiado sobre uma pequena banqueta que serviu de altar (com pedra de ara) e onde se encontram as imagens de Cristo e Nossa Senhora do Bom Sucesso. Ao centro, pequena mesa de altar, cadeiras para oficiante e junto às paredes laterais mesas onde estão colocadas grandes quantidades de fotografias e amuletos (tipo ex-votos) oriundos de promessas aquando da guerra colonial. A iluminação natural é obtida por duas janelas com gradeamento de ferro a ladear a porta principal e a iluminação artificial é obtida por dois candeeiros nos tectos do corpo e capela-mor.
 
 
Nota Histórica Pormenorizada:
 
Inicialmente, encontrava-se neste local um oratório onde só cabia a imagem do Santo Cristo, com a frente sempre aberta, para veneração dos fiéis. Era todo de pedra, em forma de nicho, com degraus. Como o oratório se encontrava em ruína, a população mandou construir uma pequena capela fechada para albergar a dita imagem. Foi assim construído um pequeno edifício, quadrado, com alpendre exterior. Posteriormente, colocaram também nesta capela a imagem de Nossa Senhora do Bom Sucesso, passando a ser esta a sua invocação. Actualmente, nesta capela, encomendam-se os mortos e daqui seguem para o cemitério de S. Francisco. Por vezes, reza-se missa e no período quaresmal é ponto obrigatório para "amentar as almas", enquanto na festividade dos Passos, Nossa Senhora da Soledade aguarda, nesta capela, o momento de sair em acto processional para o local de encontro com o filho, no Largo da Cheira, local do "sermão do Encontro".
 
Fonte: cm-montemorvelho.pt